home Voltar ao site
Navegação
Fale Conosco
  • location_on

    São Paulo - Matriz R. Buriti Alegre, 525 Vila Ré . São Paulo . SP CEP: 03657-000 - Tel: 11 2023-9999

    Goiânia - Filial End. Décima Segunda Avenida, 321 A QD-60 LT-14 Setor Leste Universitário . Goiania . GO CEP: 74603-020 - Tel: 62 3926-8100

    Rio de Janeiro - Filial End. Rua Gildásio Amado, 55 . 6º andar sala 607 . Barra da Tijuca . Rio de Janeiro . RJ . CEP: 22631-020 - Tel: 21 3176-5950

    Tocantins - Filial End. 303 . Sul . Av LO 09 . Lote 21 . Sala 03 . Plano Diretor Sul . Edifício Bastos . Piso Superior . Palmas . TO . CEP: 77015-400 - Tel.: 63 3026.2354

    Belo Horizonte - Filial Rua Araguari. 358 . Térreo . Loja 03 . Barro Preto . MG . CEP: 30190-110 - Tel.: 31 3526.8870

Deixe sua Mensagem

    Prefeitos vão monitorar preço dos combustíveis na bomba

    banner 06 Prefeitos vão monitorar - Prefeitos vão monitorar preço dos combustíveis na bomba

    Por Matheus Caselato – Imagem: Divulgação/ Postos Petrobras

    Confederação Nacional dos Municípios (CNM) anunciou na quarta-feira (15) que convocou os prefeitos a monitorarem os preços de combustíveis nos postos. O pedido veio depois da aprovação do teto de 17% na cobrança do ICMS sobre combustíveis, energia, telecomunicações e transporte coletivo.

    Em nota assinada pelo presidente do CNM, Paulo Ziulkoski, a entidade destaca que o projeto trará “pequena repercussão” no preço dos combustíveis

    “A fim de verificar se essa redução de fato chegará à população brasileira, a CNM convocou os gestores municipais a monitorarem os preços praticados nos postos antes e depois da mudança da alíquota”, diz o texto.

    Ainda na nota, o CNM calcula uma perda de R$ 80 bilhões anuais para os estados e municípios e chamou a retirada do mecanismo de compensação do texto de “ato extremo” de irresponsabilidade fiscal e social.

    O texto, aprovado pelo congresso na quarta-feira (15), seguirá para sanção do presidente Jair Bolsonaro, que trata o tema como extremamente importante.

    Fonte: https://www.moneytimes.com.br/prefeitos-vao-monitorar-preco-dos-combustiveis-na-bomba/

    4.5/5 - (22 votes)

    Marcadores: