home Voltar ao site
Navegação
Fale Conosco
  • location_on

    São Paulo - Matriz R. Buriti Alegre, 525 Vila Ré . São Paulo . SP CEP: 03657-000 - Tel: 11 2023-9999

    Goiânia - Filial End. Décima Segunda Avenida, 321 A QD-60 LT-14 Setor Leste Universitário . Goiania . GO CEP: 74603-020 - Tel: 62 3926-8100

    Rio de Janeiro - Filial End. Rua Gildásio Amado, 55 . 6º andar sala 607 . Barra da Tijuca . Rio de Janeiro . RJ . CEP: 22631-020 - Tel: 21 3176-5950

    Tocantins - Filial End. 303 . Sul . Av LO 09 . Lote 21 . Sala 03 . Plano Diretor Sul . Edifício Bastos . Piso Superior . Palmas . TO . CEP: 77015-400 - Tel.: 63 3026.2354

    Belo Horizonte - Filial Rua Araguari. 358 . Térreo . Loja 03 . Barro Preto . MG . CEP: 30190-110 - Tel.: 31 3526.8870

Deixe sua Mensagem

    LUCRO REAL OU PRESUMIDO?

    LUCRO REAL OU PRESUMIDO?

    LUCRO-REAL-X-PRESUMIDO - LUCRO REAL OU PRESUMIDO?

    LUCRO REAL OU PRESUMIDO?

    Sempre que se aproxima do final do ano, os revendedores têm a oportunidade de reavaliar os resultados e confirmar se o regime tributário adotado é, de fato, o mais vantajoso. Afinal, a escolha certa pode fazer com que a empresa deixe de pagar até 70% dos impostos.

    A opção pelo Lucro Real ou Lucro Presumido é feita com o pagamento do primeiro Documento de Arrecadação de Receitas Federais (DARF) referente ao Imposto de Renda da Pessoa Jurídica (IRPJ), que pode ocorrer até o último dia útil de fevereiro para as empresas que optam pela apuração mensal, ou até o último dia útil de abril, para aquelas que preferirem a apuração trimestral.

    Mas, afinal… qual a apuração mais indicada para postos de combustíveis? Segundo Daniela de Paula, gerente comercial da Plumas Assessoria Contábil, para a grande maioria dos postos com galonagem média de até 400 mil litros por mês o Lucro Real se encaixa melhor. “Depende também da margem de lucro e do volume de despesas. Já o Lucro Presumido costuma ser viável para postos com uma galonagem muita alta, acima de 500 mil litros, que geralmente são os postos de rodovia. É totalmente mito dizer que as empresas que optam pela tributação com base no Lucro Real são mais fiscalizadas pela Receita Federal”. Daniela ressalta que ao apurar o melhor modelo, a empresa terá economia no pagamento de tributos.

    Um revendedor de Santos, por exemplo, há dois anos, viu seu faturamento cair drasticamente. Ele deixou de pagar R$ 8 mil em Imposto de Renda e Contribuição Social quando alterou o regime de Lucro Presumido para o Real. “A contabilidade é simples. Neste caso, como estava operando em prejuízo, o empresário não tinha o que devolver ao governo. Muitos empresários têm medo do Lucro Real até por uma questão de cultura, pois esta é a informação que eles sempre receberam.

    A maioria dos nossos clientes é optante pelo Lucro Real. Para o Lucro Real ser viável é necessário um trabalho maior da contabilidade”. Uma vez por mês, a Plumas faz plantão gratuito na sede do Resan. Agende pelo telefone (13) 3229- 3535 um horário com Daniela.

    Saiba mais

    No Lucro Real, o contribuinte vai pagar o Imposto de Renda de Pessoa Jurídica (IRPJ) e a Contribuição Social sobre Lucro Líquido (CSSL) sobre a realidade da empresa. A contabilidade deve apurar a receita de vendas, deduzir os custos das mercadorias e todas as despesas para chegar ao Lucro Real e aplicar às alíquotas do IRPJ e CSSL. Se não der lucro não paga imposto. No Presumido, o Fisco utiliza a receita de vendas e aplica o percentual estipulado para cada tipo mercadoria. No caso do combustível, a alíquota é de 1,6 % sobre o total das vendas. Aí aplica-se as alíquotas do IR e CSSL (24%) e já são gerados os Darfs para pagamento, sem deduzir os custos e despesas. Se der prejuízo vai ter que pagar imposto da mesma forma.

    Fonte: Revista Postos e Serviços N° 287 pág 17 | Novembro de 2019 | Resan

    5/5 - (2 votes)

    Marcadores:

    Não perca mais nenhum post!

    Assine nosso blog e receba novos posts frequentemente em seu email.

      Comentários