home Voltar ao site
Navegação
Fale Conosco
  • location_on

    São Paulo - Matriz R. Buriti Alegre, 525 Vila Ré . São Paulo . SP CEP: 03657-000 - Tel: 11 2023-9999

    Goiânia - Filial End. Décima Segunda Avenida, 321 A QD-60 LT-14 Setor Leste Universitário . Goiania . GO CEP: 74603-020 - Tel: 62 3926-8100

    Rio de Janeiro - Filial End. Rua Gildásio Amado, 55 . 6º andar sala 607 . Barra da Tijuca . Rio de Janeiro . RJ . CEP: 22631-020 - Tel: 21 3176-5950

    Tocantins - Filial End. 303 . Sul . Av LO 09 . Lote 21 . Sala 03 . Plano Diretor Sul . Edifício Bastos . Piso Superior . Palmas . TO . CEP: 77015-400 - Tel.: 63 3026.2354

    Belo Horizonte - Filial Rua Araguari. 358 . Térreo . Loja 03 . Barro Preto . MG . CEP: 30190-110 - Tel.: 31 3526.8870

Deixe sua Mensagem

    No Espirito Santo – Assembleia promulga lei que muda regras de abastecimento com gás natural

    No Espirito Santo - Assembleia promulga lei que muda regras de abastecimento com gás natural

    WTS - No Espirito Santo – Assembleia promulga lei que muda regras de abastecimento com gás natural

    No Espirito Santo – Assembleia promulga lei que muda regras de abastecimento com gás natural

    O gás natural veicular (GNV) é um combustível atrativo quando se trata de sustentabilidade e custo benefício. Para garantir a segurança do usuário e trabalhadores dos postos de combustíveis, foi promulgada nesta quinta-feira (14), pelo presidente da Assembleia Legislativa do Espírito Santo, Erick Musso, e o vice-presidente e autor da matéria, Marcelo Santos, a Lei 11.072/2019.

    “O foco é desburocratizar. Mesmo com vontade de acertar, às vezes as normas acabam dificultando as coisas, gerando um problema no setor produtivo. A lei tem que dar segurança, mas não podemos inviabilizar o funcionamento do estabelecimento e o fornecimento deste combustível que é tão atrativo ao consumidor, tanto pela economia quanto pelo menor poder poluidor. As modificações foram feitas para melhorar a norma e garantir o abastecimento de forma prudente, garantindo a segurança de todos”, defende o autor.

    Elaborada pelo presidente da Comissão Especial de Petróleo e Gás, Marcelo Santos, a norma estabelece os requisitos mínimos a serem cumpridos pelos postos e usuários: deve ser identificado o cilindro de GNV, e, se este estiver no porta-malas, o abastecimento deverá ser feito com o compartimento aberto. Já os ocupantes do veículo devem se afastar por no mínimo três metros. Nos estabelecimentos também devem ser fixadas placas com as novas regras, comunicando, ainda, sobre a possibilidade de multa. A proposição altera o texto da Lei 10.888/2018.

    Estavam presentes os representantes do Sindipostos/ES, procurador-geral da Assembleia, Rafael Henrique Guimarães e o vereador de Cariacica Edson Nogueira. “Esse é o trabalho do legislativo, desburocratizar as normas, melhorando a vida do contribuinte, trabalhadores e dos empreendedores. Estamos sempre dispostos a diminuir a burocratização”, defendeu o presidente da Assembleia, Erick Musso.

    No Estado, de acordo com informações do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-ES), até maio deste ano, cerca de 30.000 veículos estão registrados para a utilização do combustível. A rede de abastecimento de GNV conta ainda com 32 postos, localizados nos municípios de Aracruz, Cachoeiro de Itapemirim, Cariacica, Colatina, Linhares, Serra, Viana, Vila Velha e Vitória, que serão beneficiados pela nova lei.

    “Agradeço ao deputado Marcelo e à Assembleia pela disposição em dialogar com nossa categoria. É no dia a dia que sentimos a dificuldade de algumas regras. A mudança da lei vai contribuir muito na nossa relação com o mercado consumidor”, disse o diretor de GNV do Sindipostos, Deoclides Oliveira. A lei passa a valer a partir da publicação no Diário Oficial.

    Por Danieleh Coutinho

    Fonte site: http://eshoje.com.br/assembleia-promulga-lei-que-muda-regras-de-abastecimento-com-gas-natural/

    5/5 - (1 vote)

    Marcadores:

    Não perca mais nenhum post!

    Assine nosso blog e receba novos posts frequentemente em seu email.

      Comentários