home Voltar ao site
Navegação
Fale Conosco
  • location_on

    São Paulo - Matriz R. Buriti Alegre, 525 Vila Ré . São Paulo . SP CEP: 03657-000 - Tel: 11 2023-9999

    Goiânia - Filial End. Décima Segunda Avenida, 321 A QD-60 LT-14 Setor Leste Universitário . Goiania . GO CEP: 74603-020 - Tel: 62 3926-8100

    Rio de Janeiro - Filial End. Rua Gildásio Amado, 55 . 6º andar sala 607 . Barra da Tijuca . Rio de Janeiro . RJ . CEP: 22631-020 - Tel: 21 3176-5950

    Tocantins - Filial End. 303 . Sul . Av LO 09 . Lote 21 . Sala 03 . Plano Diretor Sul . Edifício Bastos . Piso Superior . Palmas . TO . CEP: 77015-400 - Tel.: 63 3026.2354

    Belo Horizonte - Filial Rua Araguari. 358 . Térreo . Loja 03 . Barro Preto . MG . CEP: 30190-110 - Tel.: 31 3526.8870

Deixe sua Mensagem

    Como deve ser a avaliação de desempenho dos funcionários do posto

    Toda empresa precisa adotar procedimentos para verificar como os funcionários desenvolvem as atividades no dia a dia. Por isso, um posto de combustível pode perfeitamente implantar uma avaliação de desempenho.

    Essa iniciativa permite analisar o comportamento de um colaborador ou de um grupo de empregados. Além disso, quando é aplicada de maneira correta, possibilita a comunicação mais direta entre os funcionários e os gestores.

    Neste post, destacamos a relevância dessa ação para um posto de combustível e as medidas ideais para que proporcione bons resultados. Confira!

    Entenda a importância da avaliação de desempenho

    De que maneira uma empresa pode conhecer as características dos seus funcionários? Uma boa alternativa é usar um procedimento que verifique como eles se comportam diante dos colegas de trabalho e dos clientes.

    Com uma ferramenta de avaliação de desempenho, é possível medir uma série de fatores. Entre eles:

    • o alinhamento do empregado à cultura organizacional;
    • sua capacidade de comunicação;
    • sua contribuição para atingir as metas da empresa;
    • seus pontos fortes;
    • os aspectos que precisam ser desenvolvidos.

    Com isso, ela ajuda, inclusive, a encontrar profissionais com potencial para exercer cargos de liderança. Empresas com colaboradores que sabem engajar a equipe têm mais chances de atingir um rendimento de alto nível, o que é ótimo para expandir os lucros.

    Pense no melhor método para aplicá-la

    Não basta adotar um recurso para avaliar os funcionários, é preciso escolher a melhor forma de implantá-lo. Isso porque, a depender do método utilizado, pode haver atrito entre os empregados. Essa situação prejudica o ambiente de trabalho e o rendimento da equipe.

    Por isso, é recomendável ter muito cuidado para escolher o método de avaliação de desempenho. Atualmente, há várias opções:

    • autoavaliação: o próprio funcionário analisa como tem contribuído para a companhia e cita seus pontos fortes e fracos;
    • escala gráfica: o gestor utiliza uma tabela montada previamente e avalia o rendimento do funcionário como excelente, bom, regular ou insuficiente;
    • avaliação 180º: os empregados são avaliados pelos gestores, que devem interagir com a equipe para mostrar os resultados;
    • avaliação 360°: o funcionário é avaliado por colegas de trabalho, consumidores, gestores e os principais dirigentes da empresa;
    • avaliação por competências: verifica como o funcionário se comporta de acordo com competências consideradas importantes para a organização.

    Inegavelmente, há muitas alternativas para analisar como os colaboradores desempenham suas atividades. O importante é escolher o método mais adequado para seu posto de combustível.

    Tenha foco na periodicidade

    Se a avaliação de desempenho for usada uma única vez, não vai se tornar um hábito no estabelecimento. Por isso, é essencial determinar uma periodicidade para a sua ocorrência: pode ser trimestral, semestral ou anual, por exemplo.

    O ideal é fixar um intervalo que permita fazer uma análise correta da postura do empregado e que dê a ele tempo hábil para uma melhora no rendimento. Caso isso seja feito, a avaliação será bastante útil para a organização se tornar mais competitiva.

    Avalie os colaboradores de acordo com o cargo

    Uma boa avaliação de desempenho deve ser justa. Há funções em que aspectos como a liderança, a comunicação e a flexibilidade têm peso maior. Por outro lado, há cargos em que o cumprimento de prazos e o comprometimento são mais valorizados.

    Por isso, é imprescindível que a avaliação não seja rígida. Em outras palavras, valorize os pontos mais importantes em cada função, de acordo com as atribuições. Assim, os profissionais serão analisados de forma mais justa e inteligente.

    Independentemente do porte da empresa, aplicar um método para analisar a equipe é indispensável para ter resultados mais expressivos. Não adotar a avaliação de desempenho é um erro grave no mundo corporativo, porque provoca acomodação e ausência de foco na melhoria contínua.

    Gostou deste conteúdo? Se quer ter empregados qualificados e produtivos, continue com a gente e leia sobre como montar uma equipe de sucesso no seu posto de combustível.

     

    Fonte: ASCOM Minaspetro

    Rate this post

    Marcadores: